Cuidados

Como acabar com chulé de 7 formas diferentes

Como acabar com chulé

Sabe aquele cheirinho desagradável que surge no seu sapato ou tênis depois de um dia usando eles? Então, hoje você vai aprender como acabar com chulé com essas dicas infalíveis. Existem algumas bactérias que amam, ambientes úmidos e quentes. Aproveite e mande embora aquele cheirinho desagradável.

Os microrganismos que habitam o planeta, precisam de condições adequadas para se proliferarem, ambientes quentes e úmidos são os mais ideais.

Imagine os nossos pés, todo suado e dentro de um sapato ou tênis fechado. Se analisarmos bem, esse é o cenário perfeito para as bactérias e fungos. Ambiente, escuro, úmido e quente.

O famoso chulé surge nos pés que deram condições para que esses microrganismos se proliferassem.

Existem formas diferentes e dicas importantes de como acabar com o chulé, que se você seguir adequadamente trarão resultados positivos.

Lembre-se também de sempre procurar um especialista para te orientar sobre as diferentes formas de fazer o tratamento contra o chulé.

Quais são as causas do chulé?

Existem algumas causas que podem favorecer o surgimento do chulé nos pés, mas se devidamente tratado, pode desaparecer com o tempo.

Antes de você aprender como acabar com o chulé, conheça as possíveis causas do seu surgimento.

Listamos a seguir 3 exemplos de situações que podem provocar o chulé. Acompanhe:

1 – Presença de bactérias

Existem bactérias que se proliferam em ambientes iguais ao de um tênis ou sapato úmido de suor. Elas se alimentam do resto de células mortas da pele, para ser mais específico, a camada chamada de córnea que é um tecido que se encontra bem na superfície e que vive se renovando são os mais consumidos.

2 – Suor normal e natural

A transpiração dos pés é totalmente normal do organismo para equilibrar a temperatura do corpo. Acontece que quando essa transpiração é muito intensa, esse fenômeno se torna anormal. Existe inclusive uma condição chamada de bromidrose que faz com que o suor tenha um odor totalmente desagradável.

3 – Situações que facilitam a proliferação das bactérias

As bactérias se alimentam de pele morta e se proliferam no ambiente úmido e quente. Pronto, se você pensar, os pés suados dentro de um calçado fechado é um prato cheio para as bactérias.

Muitas pessoas pensam que as meias protegem os pés do suor, é justamente o contrário, dependendo do tecido, nem respirar ela deixa os pés fazerem.

Se você quer aprender como acabar com chulé, então preste atenção nessas dicas infalíveis que vamos te dar a seguir.

Como acabar com chulé

7 formas para você aprender como acabar com chulé

Essas 7 dicas que vamos te apresentar são muito úteis para você que quer aprender como acabar com chulé. Veja a seguir e escolha a que mais te agradou.

1 – Frutas cítricas contra o chulé

As frutas cítricas contém vitamina C e são excelentes para acabar com o cheiro desagradável do chulé. Escolha pelo menos 3 opções de frutas cítricas, pode ser laranja, limão e mexerica por exemplo.

Ao chegar em casa, tire as suas meias e não coloque-as dentro dos sapatos. Dentro deles você vai colocar as cascas dessas frutas que você escolheu, deixe de um dia para o outro. Essas cascas vão absorver todo o mau odor. No dia seguinte, retire essas cascas e jogue-as fora.

Veja se deu certo, caso tenha gostado repita o procedimento nos outros dias.

2 – Chá do tipo preto

Você que está pensando como acabar com chulé, acredite, o chá preto pode te ajudar nisso.

Esse chá contém tanino, importante componente que faz com que a sudorese diminua, isso acontecendo a probabilidade de bactérias surgirem é quase zero.

O modo de preparo é bem fácil, você deverá ferver 1 litro de água e colocar 3 saquinhos de chá dentro. O tempo de fervura é de apenas 20 minutos.

Quando essa solução estiver pronta, adicione mais 1 litro de água e deixe os pés de molho por cerca de 30 minutos. Faça esse procedimento pelo menos 1 vez por dia em 2 semanas consecutivas.

3 – Bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio é um verdadeiro coringa. Se você sentir que os seus sapatos já estão ficando com um cheiro nada agradável, coloque um punhado de bicarbonato dentro deles.

Deixe de um dia para o outro, no dia seguinte jogue fora esse pó, provavelmente o cheiro forte deve ter ido embora.

4 – Ervas secas ou frescas

As ervas também são excelentes para fazer esse cheirinho desagradável desaparecer. Você pode optar por elas frescas ou secas.

Existe uma infinidade de opções, lavanda, cravo e sálvia são as mais cheirosas. Depois de usar os seus sapatos ou tênis, coloque um punhado dentro deles e deixe bastante tempo.

Outra excelente opção é ferver água, jogar essas ervas dentro e colocar os pés, deixe de molho por uns 15 minutos e pronto. Jogue a água fora e sinta o aroma.

Como acabar com chulé

5 – Água com vinagre

Essa é uma das soluções mais antigas que existem, costuma ser classificada como a receita da vovozinha.

Bem fácil de fazer, você precisará apenas de 1 litro de água e 3 xícaras de vinagre, o tipo mais utilizado é o de álcool, mas você pode escolher o de maçã se quiser, a opção é sua.

Em um spray, coloque essa mistura, borrife nos seus pés e sapatos todos os dias, deixe secar ao ar livre e utilize de preferência depois do banho. O líquido deve agir por pelo menos 2 minutos nos sapatos antes de serem usados.

6 – Óleos essenciais

Os óleos essenciais são concentrados e são capazes de tirar o cheiro ruim dos calçados facilmente. Você pode utilizar apenas 3 gotinhas em cada calçado, por pelo menos de 2 a 3 vezes por semana.

A quantidade de gotas também pode variar, dependendo de como está esse odor desagradável.

Se preferir também pode preparar o escalda pés com essa essência. Coloque em uma bacia, aproximadamente 1 litro de água e 10 gotas de essência.

Deixe os pés de molho por uns 30 minutos, seque e coloque o calçado. Lembre-se que você deverá secar bem os pés e não deixá-los úmidos.

7 – Sal marinho

O sal é poderoso para acabar com a presença de algumas bactérias nocivas. Coloque um punhado de sal marinho em cada sapato e deixe agir por aproximadamente de 12 a 24 horas.

Passado esse tempo, bata bem o calçado para que saia tudo de dentro e jogue fora.

Deixe um Comentário

/* ]]> */