Cabelos

Óleo de amêndoas para os cabelos: conheça os benefícios

Óleo de amêndoas

O óleo de amêndoas vem sendo usado por seus benefícios para a saúde e para tratamentos de beleza bem antes da ciência descobrir seu potencial. Muito popular no sudeste da Ásia e no Mediterrâneo, o miolo e o óleo extraídos dessa noz eram conhecidos por promover a saúde do coração e da pele.

Atualmente, é sabido que o óleo de amêndoas é rico em vitamina E, ácidos graxos monoinsaturados, proteínas, potássio e zinco, além de vários outros minerais e vitaminas, o que explica o porquê de ele ser tão bom para nosso coração, pele e cabelo.

Veja também – Óleo de rosa mosqueta para o cabelo: como e porque usar?

O óleo pode ser encontrado em duas variantes, amargo e doce. O primeiro é extraído de amêndoas amargas e contêm uma substância chamada amigdalina, que se transforma num ácido tóxico quando processada.

A maioria das amendoeiras na natureza produz amêndoas amargas com diferentes níveis dessa substância, que pode ser fatal se ingerida. Óleo de amêndoas amargo tem propriedades medicinais, e pode ser seguro para uso externo, mas é melhor evitá-lo por risco de intoxicação.

O óleo doce vem exclusivamente das amêndoas comestíveis (Prunus dulcis) cultivadas por seu sabor adocicado. Esse é o óleo usado popularmente para cuidado da pele e do cabelo – e possui muitos usos culinários também.

A seguir, veremos como usar esse ótimo produto da natureza para melhorar nossa saúde e aparência.

Algumas razões para usar o óleo de amêndoas no cabelo

Controle da queda de cabelo

Todo dia, perdemos cerca de cem fios de cabelo. Mas isso não afeta nosso volume de cabelo por causa dos novos fios que repõem os perdidos. Mas se a queda for mais intensa que o normal, nosso couro cabeludo mostrará sinais visíveis de afinamento, o que pode ser preocupante.

Deficiência de magnésio e de cálcio, principalmente, causam crescimento insuficiente e queda de cabelo. O zinco é outro importante mineral para um cabelo saudável, e sabe-se que sua deficiência pode causar alopécia, caracterizada pelo rareamento dos fios. O óleo de amêndoas é rico em todos esses minerais.

É preciso usar óleo de amêndoas regularmente para controlar a queda de cabelo. Aqueça uma colher de sopa de óleo e aplique no couro cabeludo toda noite após o banho. Massageie gentilmente até que a maioria do óleo seja absorvido. Deixe da noite para o dia para melhores resultados.

Comer algumas amêndoas diariamente ou colocar algumas gotas de óleo em sua salada ou vitamina fará com que seu cabelo fique mais saudável de dentro para fora.

Óleo de amêndoas

Cabelo longo e brilhoso

Não apenas o couro cabeludo, os fios, em todo seu comprimento, também podem se beneficiar do óleo de amêndoas. As glândulas do nosso escalpo produzem uma substância oleosa que forma um revestimento protetor em cada fio de cabelo.

Porém, o cabelo pode ficar muito seco e quebradiço pelo uso frequente de shampoos que o privam desses óleos naturais. Isso resulta em quebras e pontas duplas que reduzem o comprimento do cabelo.

Recupere a camada protetora aplicando óleo de amêndoas em seus fios depois de lavá-los com um shampoo orgânico suave. Primeiro, seque o cabelo com uma toalha para retirar o excesso de umidade. Esfregue o óleo nas palmas das mãos e passe-as por todo o comprimento do cabelo para revestir cada fio igualmente.

Deixe o cabelo secar naturalmente, penteando de vez em quando com um pente largo para separar os fios. Esse tratamento dá ao cabelo um brilho agradável, além de deixá-lo mais maleável e desembaraçado.

Tratamento para caspa

Óleo de amêndoas doces sela naturalmente os fios e pode ser aplicado neles molhado para manter a umidade dentro do cabelo. Ele também pode ser misturado com groselha para nutrir ainda mais o couro cabeludo e as raízes do cabelo.

O óleo da amêndoa é mais leve que outros óleos que também podem ser utilizados nos fios, o que o torna uma excelente opção natural de proteção para ser deixada no cabelo (leave-in). Ele é a base ideal para outros óleos essenciais que podem hidratar ainda mais o couro cabeludo, ajudando a combater a caspa.

Fortalece e repara as pontas duplas

Óleo de amêndoas doces contém as vitaminas A, B e E, além de ácidos graxos ômega 3, 6 e 9 que ajudam a deixar o cabelo forte e saudável e a prevenir quebras. As propriedades de selagem de umidade do óleo de amêndoas doces ajudam a recuperar o cabelo e também a combater as pontas duplas e manter a hidratação por mais tempo.

Ajuda a manter o brilho do cabelo

O óleo de amêndoas doces contém uma alta concentração das vitaminas A, B e E, e todas essas ajudam a dar brilho ao cabelo opaco e seco. Além disso, os ácidos graxos ômega 3, 6 e 9 ajudam a refletir raios UV danosos e protegem do sol, impedindo a opacidade que vem com os fios ressecados.

Óleo de amêndoas

Suaviza infeções do couro cabeludo

Porque o cabelo e o couro cabeludo são expostos a muitos poluentes e agentes irritadores durante o dia, pode ser difícil evitar infecções no couro cabeludo. Irritação e coceira, assim como inflamação, são algo comum das infecções do couro cabeludo. Algumas gotas desse óleo podem suavizar e curar esse problema desagradável.

Trata os cabelos ressecados

A hidratação feita pelo óleo de amêndoas faz dele o melhor óleo para selar o seu cabelo. Ele dá aos seus fios a nutrição extra de que precisam e ainda melhora a aparência e a textura deles. Logo depois de você massagear algumas gotas cuidadosamente, ele irá penetrar nos fios e hidratá-los de dentro para fora.

Usar como condicionador leave-in

Óleo de amêndoas é um excelente substituto para soluções anti-frizz. Massageie algumas gotas gentilmente em seu couro cabeludo e cabelo e tenha controle total do frizz.

Além de todos esses motivos para usar o óleo de amêndoas em seu cabelo, como dito no início do artigo, ele ainda pode trazer outros tantos benefícios para sua pele. Portanto, é um produto que tem alguma utilidade para todo mundo.

Você já conhecia todos possíveis usos do óleo de amêndoas para o seu cabelo? Se o artigo serviu para descobrir algo novo, compartilhe com seus amigos e comente para nos deixar saber o que você achou.

Deixe um Comentário

/* ]]> */