Cuidados

Poros dilatados: causas, tratamentos e dicas de prevenção

Poros dilatados

Pele com aspecto envelhecido, falta de uniformidade, aparência oleosa e brilhante são alguns problemas que mulheres que tem poros dilatados enfrentam diariamente.

Problema bastante comum – principalmente em mulheres com pele oleosa – os poros dilatados não trazem danos ou prejuízos à saúde, mas sim um incômodo estético para quem os possui por seu aspecto visual.

Mas a boa notícia é que já existem tratamentos e formas de suavizar o aspecto dessas imperfeições. Entenda neste post o que causa esse problema, quais os tratamentos disponíveis e também cuidados para evitar que os poros da sua pele dilatem. Confira!

O que são poros e por que eles dilatam

Os poros são pequenas aberturas na pele por onde saem os pelos e também a secreção das glândulas sudoríparas (suor) e das glândulas sebáceas (responsáveis pela oleosidade da pele).

Naturalmente, os poros são pequenos e praticamente imperceptíveis na pele, no entanto, em algumas regiões do corpo eles podem ser maiores (dilatados). Isso acontece principalmente em áreas mais oleosas e com pelos mais finos, como no rosto e em especial na zona T – testa, nariz e queixo.

Diversos fatores contribuem para o dilatamento dos poros da pele:

  • Pré-disposição genética;
  • Processo natural de envelhecimento, que enfraquece as paredes dos poros;
  • Flacidez da pele;
  • Excesso de oleosidade e de suor (o que torna o problema muito comum no verão);
  • Acúmulo de resíduos na superfície da pele.

Os poros dilatados não costumam trazer complicações mais sérias para a pele ou saúde, no entanto, são facilitadores para a ocorrência de acne.

Tratamentos para poros dilatados

Se você sofre com este problema, o ideal é consultar-se com um dermatologista, pois existem diversos tratamentos para poros dilatados e um profissional saberá indicar o ideal para o seu caso. Veja a seguir os principais tratamentos utilizados:

1. Ácidos

O tratamento mais recomendado é o uso de cremes à base de ácidos, diariamente, em casa.

O mais utilizado é o ácido retinoico, que descama suavemente a pele, refinando sensivelmente os poros, fechando-os e dando um aspecto aveludado à pele.

2. Microdermoabrasão

Conhecido como peeling de cristal ou diamante, esse tratamento consiste no uso de pequenos grânulos que, em contato com a pele, promove uma esfoliação leve. Em seguida, é utilizado um sistema de vácuo que aspira as células mortas e o sebo que podem obstruir os poros.

Esse tratamento afina e estimula a renovação da pele, fechando os poros e deixando-os menos evidentes na pele.

3. Peelings químicos

Os peelings químicos são procedimentos realizados em consultório e que promovem a descamação, renovação celular e redução temporária da oleosidade.

O ácido retinoico é o ativo mais utilizado nos peelings químicos, e a recomendação de tratamento completo é de 4 a 6 sessões, com intervalo mínimo de uma semana.

4. Luz Intensa Pulsada

A luz intensa pulsada reduz as glândulas sebáceas e o diâmetro do poro e é especialmente indicada quando a paciente, além dos poros dilatados, tem telangiectasias (microvasos) e manchas na pele.

A aplicação de luz pulsada pode ser feita uma vez por mês e tem resultados gradativos, ou seja, repetindo o tratamento com frequência, os poros tendem a permanecer menores.

5. CO² fracionado

Indicado para casos mais acentuados de poros dilatados e associados com cicatrizes de acne e fotoenvelhecimento.

É recomendado quando outros tratamentos já foram utilizados e não trouxeram resultados.

O laser de CO² penetra nas camadas mais profundas da pele e acelera a renovação celular, conferindo um aspecto mais uniforme à pele, tanto em cor como em textura.

6. Uso de Roacutan

Em casos graves de poros dilatados, geralmente associados a outros problemas de pele, como a ocorrência de acnes em grau moderado à grave, o dermatologista poderá avaliar a possibilidade de uso do medicamento oral Isotretinoína (Roacutan) – que diminui significativamente a oleosidade da pele.

Cuidados para evitar e prevenir o aparecimento dos poros dilatados

Não existe um método que previna 100% contra a ocorrência dos poros dilatados, mas alguns hábitos podem minimizar o problema:

  • Não esprema espinhas;
  • Nunca durma com maquiagem, removendo-a preferencialmente com um demaquilante;
  • Evite a exposição solar excessiva;
  • Use protetor solar sempre;
  • Tenha uma rotina diária de limpeza de pele;
  • Utilize um primer facial, produtos essenciais para controlar a oleosidade;
  • Aplique máscaras faciais de argila verde e branca, pois elas reduzem a oleosidade da pele sem descamar e melhoram a aparência dos poros;
  • Faça uma esfoliação facial semanalmente, pois ela ajuda a retirar as impurezas, deixando a pele “respirar” melhor;
  • Dê preferência à maquiagens líquidas e oil-free e evite produtos em pó, que penetram mais profundamente na pele e obstruem os poros.

Por fim, ter poros dilatados é bastante comum, principalmente no Brasil, país de temperaturas quentes na maior parte do ano. Se você sofre com o problema, procure um dermatologista, pois como vimos aqui, existem muitas possibilidades de tratamentos.

E se você quiser disfarçar os poros dilatados de forma mais imediata, aposte em primers matificantes, que melhoram a aparência dos poros, reduzem temporariamente a oleosidade e ainda ajudam na fixação da maquiagem.

E você, tem poros dilatados? Faz algum tratamento para ajudar na aparência da pele? Posta nos comentários!

Leave a Comment

/* ]]> */